eSocial começa a receber informações do 2º grupo de empregadores no dia 16 de julho

A implantação do eSocial (Sistema de Escrituração Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas) teve início em janeiro para as empresas com faturamento anual superior a R$ 78 milhões. E, a partir de 16 de julho, começa a ser implantado para os demais empregadores. Segundo informações do governo federal, essa fase inicial se estenderá até o dia 31 de agosto, não havendo, portanto, necessidade das empresas prestarem informações de imediato, nos primeiros dias.

De acordo com o cronograma (estabelecido pela Resolução CDeS nº 02, de 30/08/2016, com redação dada pela Resolução CDeS nº 03, de 29/11/2017), em 1º de setembro, começará a fase de povoamento do eSocial com a informações cadastrais dos trabalhadores vinculados aos mais de 4 milhões de empregadores e, em novembro, passarão a ser enviadas as remunerações dos quase 33 milhões de trabalhadores e o fechamento das folhas de pagamento no ambiente nacional.

No primeiro grupo com as 13.110 empresas, que estão utilizando o eSocial desde janeiro, já existem informações de quase 12 milhões de trabalhadores. Atualmente, 97% das empresas do primeiro grupo já aderiram ao eSocial e estão fazendo os ajustes finais para o fechamento integral das folhas de pagamento na nova plataforma. Conforme Circular CAIXA 815/2018, publicada no DOU n.125, de 02/07/2018, para este grupo, o recolhimento rescisório do FGTS com as informações prestadas via eSocial, se dará para os desligamentos ocorridos a partir de agosto de 2018.

Fonte: Portal eSocial (modificado)

eSocial começa a receber informações do 2º grupo de empregadores no dia 16 de julho

You May Also Like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *